Notícias

06 . 12 . 2017

Carazinho revive a partir desta quinta-feira (07) os tempos de Seara da Canção

Até o próximo domingo (10), no Parque Vali Albrecht, o público vai poder prestigiar uma intensa programação cultural

 

Nos próximos quatro dias, Carazinho passa a reviver os tempos de Seara da Canção. Inicia nesta quinta-feira, 07 de dezembro, no Parque Vali Albrecht, a 20ª edição do festival, onde o público vai poder prestigiar uma intensa programação cultural. Ao todo, 30 composições serão defendidas no palco entre as categorias geral e local, além de 8 músicas da Searinha.

 

Após dois anos sem ser realizado, o evento é reeditado, porém sem perder os objetivos e propósitos construídos desde a sua criação, em 1981. A palavra que define este renascimento é engajamento, tanto da sociedade, entidades tradicionalistas e de classe, empresas, artistas e Poder Público.

 

O coordenador artístico, Gabriel Selvage, afirma que será uma Seara de muita qualidade. “Esta edição terá um conteúdo musical, social e cultural que há muitos anos não se tinha em festivais no Estado. Serão músicas reflexivas, com conteúdo, que farão as pessoas refletirem, composições que vão contribuir com nossa cultura gaúcha”, destacou.

 

Toda uma infraestrutura foi preparada para bem receber os carazinhenses e visitantes. Uma tenda com 1.400m² foi montada e é neste local que os 30 compositores vão subir ao palco para apresentar suas músicas para o público e jurados. Também será neste ambiente que vão acontecer os shows.

 

Shows

 

Diferentes artistas consagrados da música gaúcha vão subir ao palco durante os dias do evento. Na quinta-feira, 07, a partir das 21h, acontece o show instrumental “Balaio de Sons”, com Gabriel Selvage e Luciano Maia. Na sexta-feira (8), às 20h, quem se apresenta é Samuca do Acordeon e Grupo, e às 23h 30min, será realizado o show Tertúlia da Seara, com os jurados do Festival.

 

Já no sábado, 09, às 20h, terá apresentação da OSINCA – Orquestra Sinfônica de Carazinho, tendo como convidado especial Daniel Torres. O repertório será em homenagem as músicas da Seara, com destaque para composição “Santa Helena da Serra”. Neste mesmo dia também haverá o show com a dupla César Oliveira e Rogério Melo.

 

Para encerrar, no domingo, 10, às 16h, terá a apresentação de Darlan Ortaça e Grupo, na Praça de Alimentação. Toda a programação de shows será realizada no palco 1, na Arena de Shows.

 

Atrações paralelas

 

Além de receber compositores e músicos de diferentes cidades, a 20ª Seara da Canção também vai congregar outras atividades. Uma das novidades é a realização da última etapa do XVII Festival Nacional da Cultura Gaúcha. Estima-se que aproximadamente 60 grupos venham até Carazinho para disputar o título final do concurso.

 

Completa a grade de atrações uma etapa da Credenciadora ao Freio de Ouro, quando serão realizadas provas de morfologia e de funcionalidade. Neste segmento, participam criadores da raça crioula, onde os selecionados se credenciam a participar da final do Freio de Ouro, realizado durante a Expointer, em Esteio.

 

A 20ª Seara da Canção: intercambiando traços culturais acontece de 7 a 10 de dezembro, no Parque Vali Albrecht, na BR 386, Km 169, em Carazinho. O evento é uma realização do CTG Rincão Serrano, com apoio da Prefeitura de Carazinho e Câmara de Vereadores. O financiamento é da Lei de Incentivo a Cultura (Lei Rouanet), via Ministério da Cultura.

 

O patrocínio é da Eletrocar, Benoit, Produza, Corsan, Banrisul, Boa Vista Supermercados, Souza Cruz, Cotrijal, Farmácias Glória, Grupo Toniato, Telha Certa, Postos RH Riss, Supermercados Economia, Mekal, e Coqueiros Supermercados. A produção cultural é da Lucano Cultura e Marketing.

Autor: Assessoria de Comunicação da 20ª Seara da Canção Gaúcha