CATEGORIA : Sec. Assistência Social
Carazinhense presente na X Conferência Nacional de Assistência Social

15/12/2015

 

Nos dias 07 a 10 de dezembro de 2015, foi realizada a X Conferência Nacional de Assistência Social, em Brasília/DF, sendo que a Assistente Social da APAE de Carazinho, Daiana Rafaela Pivatto, durante as Conferências Municipal e Estadual, foi eleita delegada titular, representando as Entidades de Assistência Social do Estado do Rio Grande do Sul, bem como o nosso município e juntamente com os demais 53 delegados que também representaram o Rio Grande do Sul.

No evento, debateram a proteção social, a cobertura e o aprimoramento dos serviços socioassistenciais, programas, projetos, benefícios e transferência de renda.

Na segunda-feira, dia 07 de dezembro, primeiro dia do encontro, foi apresentado o balanço dos 10 anos do SUAS, que foi implantado em 2005. Com o programa, o Brasil abandonou o assistencialismo. Atualmente, a Assistência Social é uma política com função, objetivos e ofertas próprias para garantir direitos da população. 

Já na terça-feira, dia 08 de dezembro, as rodas de conversas discutiram cinco temáticas: Dignidade Humana e Justiça Social: princípios fundamentais para a consolidação do SUAS no pacto federativo; Participação social como fundamento do pacto federativo no SUAS; Primazia da responsabilidade do Estado: por um SUAS público, universal, federativo e republicano; Qualificação do trabalho no SUAS na consolidação do pacto federativo; e Assistência Social é direito no âmbito do pacto federativo. 

Essa discussão norteou o terceiro dia do evento, na quarta-feira, dia 09 de dezembro, quando os delegados começaram a definir as prioridades para os próximos 10 anos. No período da manhã, ocorreram as plenárias regionais, para reconhecer as diversidades e especificidades de cada localidade. À tarde, foi a vez das plenárias temáticas, onde foram deliberadas as prioridades em cada uma das dimensões debatidas nas rodas de conversa.

E por fim, na quinta-feira , dia 10 de dezembro, foi realizada a plenária final, onde todos os delegados votaram nas prioridades para aprimorar a Política Nacional de Assistência Social.

Autor: Imprensa