CATEGORIA : Sec. Saúde
Unidades de saúde darão suporte para aplicação da segunda dose no mês de agosto

24/07/2021 às 09:00:00

Mais de 58% da população carazinhense já se vacinou com a primeira dose da vacina contra a Covid-19, destes, cerca de 27% já completaram o esquema vacinal.

A eficácia prometida pelos laboratórios das vacinas utilizadas atualmente, foi determinada a partir de estudos que realizaram testes fazendo duas aplicações. A partir disso, constatou-se que além da segunda dose aumentar a proteção contra a Covid-19, ajuda a prolongá-la.
Em agosto, de acordo com a responsável técnica pelo setor de Vigilância Epidemiológica, Márcia Smaniotto, mais de cinco mil carazinhenses com comorbidades devem completar o esquema vacinal, e para avançar ainda mais na proteção completa da população, a secretaria da Saúde contará com o auxílio de seis unidades de saúde.

As unidades (Oriental, Sommer, Ouro Preto, Camaquã, Medianeira e Operária) e Sala Central de Vacinas poderão aplicar a segunda dose em qualquer pessoa que possua a carteira de vacinação Covid-19 e tenha data prevista para completar a imunização, seja do bairro ou outra localidade do município.

As duas doses são fundamentais, principalmente neste momento em que o estado registra casos da variante Delta, classificada com uma variante de preocupação e mais contagiosa pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Quando o indivíduo não completa o ciclo vacinal, ou seja, não toma as duas doses recomendadas, não tem a imunização esperada e fica mais propenso à infecção.

Por isso, reforça-se a população que não deixe de se vacinar com a segunda dose e que mantenha os protocolos de prevenção contra a doença, como o uso de máscara, higienização das mãos e distanciamento social.

Fonte: Assessoria de Comunicação