Ir para o conteúdo

Siga
Prefeitura de Carazinho - RS
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
AGO
18
18 AGO 2022
SEC. DESENVOLVIMENTO E MOBILIDADE
Empresas habilitadas podem gerar mais de 120 empregos
enviar para um amigo
receba notícias

O governo municipal tem investido forte em ações focadas no desenvolvimento de Carazinho.

Investimentos em infraestrutura urbana, saúde, educação e, principalmente, na valorização dos Distritos Industriais, têm tornado Carazinho, com sua localização estratégica, um município potencial para atração de novos empreendimentos.

O Distrito Industrial II, o Iron Albuquerque, que possui 44 hectares sendo que 25 estão destinados a lotes, é um exemplo do quanto o trabalho planejado e determinado na busca de soluções faz diferença.
A área que por muitos a anos não teve a devida atenção, principalmente no que se refere ao licenciamento da FEPAM para instalação de empresas, graças a atuação diferenciada do atual governo, mudou de realidade

Em 2021, depois de muito trabalho, iniciado inclusive na gestão anterior do governo, graças ao esforço equipe da secretaria de Desenvolvimento o município conseguiu que a FEPAM liberasse o Licenciamento Ambiental o que possibilitou a Licença de Operações.

Após essa conquista, o segundo passo foi fazer a reversão de áreas e o desmembramento em novos lotes para finalmente fazer a Concorrência Pública. Dos 7 lotes colocados para Concorrência houve oito empresas interessadas sendo que cinco preencheram todos os critérios solicitados no edital e se habilitaram.

As áreas a serem destinadas têm tamanhos que variam de 5.300 a 7.390 metros quadrados. A rede de instalação trifásica e de iluminação pública para o Distrito já está contratada e o acesso pela BR285 deve estar com a pista concluída no máximo em 90 dias. A próxima etapa é enviar ao Legislativo, os projetos de Lei solicitando a doação das áreas.

Após as empresas receberem a escritura terão um prazo de 180 dias para iniciarem a obra sendo que a área construída não poderá ser inferior a 25% do tamanho da área doada. A estimativa é que juntas as cinco empresas criem mais de 120 empregos.

Fonte: Assessoria de Comunicação
Seta
Versão do Sistema: 3.2.6 - 05/09/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia