Ir para o conteúdo

Siga
Prefeitura de Carazinho - RS
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
12
12 NOV 2021
SEC. SAÚDE
Atividades de Educação Alimentar e Nutricional da SMS em alusão ao Dia Mundial do Diabetes

Por meio da análise de diabéticos cadastrados no Sistema de Informação da Atenção Básica (DATASUS) em 2015, um estudo apontou que o índice de diabetes no Norte do Rio Grande do Sul era de 12,5%, empatado com a região Missioneira no pódio de maior índice de diabetes quando comparado com as demais macrorregiões (AVILA et al, 2020). O diabetes é uma doença crônica caracterizada pelo aumento dos níveis de açúcar no sangue (glicemia), devido a ausência da insulina, ou incapacidade desse hormônio exercer seu papel.

O próximo domingo, 14 de novembro, é o Dia Internacional do Diabetes (World Diabetes Day-WDD), criando em 1991 pela Federação Internacional de Diabetes (International Diabetes Federation - IDF) e pela Organização Mundial da Saúde (World Health Organization - WHO) devido às crescentes preocupações da ameaça à saúde representada pelo aumento dos índices de diabetes. Ele foi aprovado em 2006, por intermédio da Resolução das Nações Unidas 61/225. Nesta data é comemorado o aniversário de Frederick Banting, que descobriu a insulina junto com Charles Best em 1922 (IDF, 2021). Acesse o Site Oficial do evento e saiba mais por aqui: https://worlddiabetesday.org/

Na sexta-feira (12), no período da manhã, em frente a farmácia popular ao lado do Centro de Especialidades Médicas de Carazinho, a Técnica em Enfermagem Jane Kraemer realizou o teste de glicemia capilar da comunidade. E, sob supervisão da Nutricionista Patricia Del Savio Flores, da Secretaria Municipal de Saúde do município, as estagiárias Beatriz Suffert Acosta e Franciele Debus dialogam com a população sobre a conduta alimentar que contribui para a prevenção e/ou tratamento do diabetes. A atividade também contou com frascos que mostravam a quantidade de gordura, sal e carboidrato, nos alimentos ultraprocessados.

O indivíduo diabético deve preferir alimentos integrais, priorizar o consumo de gorduras “boas” (mono e polinsaturadas - frutos do mar e peixes, oleaginosas e sementes, alguns óleos vegetais, azeite de oliva e alimentos fortificados), reduzir a adição de gorduras no preparo de refeições, diminuir ou evitar o consumo de doces e bebidas com açúcar, preferindo o uso de edulcorantes para adoçar as preparações. Além disso, o sujeito diabético deve buscar o adequado e suficiente de proteínas, evitar o consumo de alimentos ultraprocessados. Como coadjuvantes ao tratamento médico e à dieta balanceada, deve-se buscar a prática de atividade física regular e planejada, caso ocorram complicações sempre é importante recorrer à equipe de saúde (CUPPARI, 2014; SBS, 2016).

Referências:

AVILA, Luísa Azzolin et al. PREVALÊNCIA DE HIPERTENSÃO E DIABETES NAS MACRORREGIÕES DO RIO GRANDE DO SUL EM 2015. Salão do Conhecimento, v. 6, n. 6, 2020.

CUPPARI, Lilian. Guia de nutrição: clínica do adulto. 3. ed. Barueri: Manole, 2014. 578 p.

INTERNATIONAL DIABETES FEDERATION - IDF. World Diabetes Day. 2021. Disponível em: Acesso em: 08 nov. 2021.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE DIABETES -SBD. Manual de contagem de carboidratos para pessoas com diabetes. 1. ed.São Paulo: Sociedade Brasileira de Diabetes, 2016. 106 p.

Autor: Estagiária de Nutrição: Beatriz Suffert Acosta
Seta
Versão do Sistema: 3.1.9 - 17/01/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia